O pânico da balança

Cada vez que chega a altura de pesar, o medo invade-nos a alma com o que possamos ver se engordamos se emagrecemos. Para não ficarmos paranóicas nem nos desmotivarmos com os valores que aparecem na balança, devemos pesar-nos apenas uma vez na semana.

Seja qual for o nosso objetivo, nem sempre os números da balança interessam. Importa sim a diferença que vemos ao espelho e nas roupas. Há muitos fatores (período menstrual, a retenção de líquidos, o jejum prolongado, a ingestão de água) que podem alterar o valor do nosso peso. O ideal é pesar-nos sempre de manhã, depois de irmos à casa de banho, e em jejum claro.

o que vemos ao espelho é que é importante.

A maioria das balanças vai nos dar o valor total do peso do nosso corpo, incluindo massa gorda, massa magra, água, peso dos ossos, etc. Não devemos ficar obcecados com a balança mas sim focados naquilo que queremos, o que vemos ao espelho é que é importante.

Podemos ter perdido medidas corporais e estar com o mesmo peso, porque o que perdemos foi gordura, e nem sempre a perda de gordura é o mesmo que perda de peso. “Ando a comer direitinho para ganhar massa magra, mas subo à balança e peso mais!!!” Assim se instala o pânico, das duas uma: ou comemos mais do que aquilo que gastamos ou estamos a ganhar massa magra. É importante ficar a saber qual a percentagem de massa gorda ou IMC (índice massa corporal) que se tem no corpo para ser mais fácil e menos assustador cada vez que nos pesamos. Nas farmácias, para-farmácias ou no ginásio encontra-se facilmente essas balanças onde podemos fazer uma avaliação completa.

emagrecer e perder peso não significam a mesma coisa

Uma nota importante com que muitas de nós por vezes fazemos confusão: emagrecer e perder peso não significam a mesma coisa. É também possível emagrecer sem perder peso, pois com a perda de peso, perdemos massa gorda e massa muscular, já com a perda de gordura, perdemos gordura e muito pouca ou mesmo nenhuma massa muscular.

Portanto, o importante é não desanimar quando subir há balança, mas sim dar luta!

Partilhar