Triagens médicas da Gyant e Zaask

O Serviço Nacional de Saúde está a trabalhar a todo o vapor para atender quem mais precisa de assistência — e o desafio surge aqui, na identificação de pessoas que necessitam de ir ao hospital. A triagem feita por plataformas online pode ser uma ajuda preciosa para o SNS e todos os serviços que lhe prestam suporte.

O Serviço Nacional de Saúde está a trabalhar a todo o vapor para atender quem mais precisa de assistência — e o desafio surge aqui, na identificação de pessoas que necessitam de ir ao hospital. A triagem feita por plataformas online pode ser uma ajuda preciosa para o SNS e todos os serviços que lhe prestam suporte.

Gyant é uma startup que desenvolve, por via da Inteligência Artificial, serviços médicos em parceria com hospitais, clínicas e profissionais de saúde. Para ajudar a combater a pandemia, lançou um serviço de triagem virtual dedicado. Ligando médicos e pacientes por videochamada, onde é feito um despiste por via de uma série de perguntas (entre 10 e 15) e determinados os próximos passos a dar.

A esta startup junta-se a Zaask, que tem uma solução semelhante que funciona a partir da sua plataforma Visor.ai. Esta plataforma tem um chatbot (um mecanismo de conversação automático) que faz uma primeira triagem e reencaminha os pacientes caso haja fortes suspeitas de uma possível infeção por Covid-19.

Categorias
Sustentabilidade
Partilhar

Tudo o que precisa num único espaço